0

MANTEIGA DE AMENDOIM – PÓ OU PASTA?

Muita gente pergunta qual a diferença entre usar a “Peanut Butter” em pasta mesmo (a tradicional) ou usar na forma de pó. Apesar de ambas serem feitas apenas com o amendoim, há bastante diferença entre elas no quesito macronutrientes. Por este motivo, diria que não servem como substitutos! Isso porque uma é fonte, principalmente, de gorduras e a outra não!

 

Vamos explicar:

 

A pasta de amendoim tradicional é feita apenas triturando o próprio amendoim até que o mesmo chegue a consistência de uma “manteiga”. Está pronta a pasta de amendoim! Esta preserva todos os macronutriente da semente; sendo riquíssima em gorduras. Deve ser usada em um momento que precisamos de gordura como fonte de energia. É vantajosa, uma vez que gera bastante saciedade.

Já a “pasta de amendoim em pó” (ou powdered peanut butter) tem um modo de fabricação diferente. Neste caso, antes de o amendoim ser triturado, ele passa por um processo no qual o seu óleo é retirado (indo embora quase toda a gordura presente no amendoim). Por esse motivo ela é bem menos calórica e contém pouquíssima gordura em sua composição. Em sua tabela nutricional, podemos perceber mais a presença de poucos carboidratos e proteínas e quase nada de gordura. Neste caso, ela pode ser utilizada para dar sabor a uma preparação sem elevar muito o seu teor calórico. Mas, desta maneira, não conte com ela como uma fonte de ácidos graxos para a sua dieta e nem a considere um alimento para gerar saciedade, pois ela não cumprirá este papel!

 

Observe a sua necessidade no dia e opte por uma versão ou por outra! Na minha opinião, ambas são fantásticas, cada uma com a sua proposta!

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

avatar

Julia Engel

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *